Internet UMMG

  • Aumentar tamanho da fonte
  • Tamanho da fonte padrão
  • Diminuir tamanho da fonte
Bem-Vindo à União dos Militares

URGENTE: NOVA CONVOCAÇÃO PARA OS PROFISSIONAIS DA SEGURANÇA PÚBLICA

E-mail Imprimir PDF
Sua presença é extremamente importante, amanhã, quinta-feira,  13/02, às 13h, na Assembleia Legislativa, onde está na pauta a Reunião extraordinária da Comissão de Fiscalização Financeira Orçamentária (CFFO). Precisamos que o Projeto de Lei  1451/2020, que trata da RECOMPOSIÇÃO  SALARIAL,  seja encaminhado imediatamente ao Plenário, para ser votado em 1° turno.
 
 
Participe e fortaleça a nossa luta! 
 

“Sistema de Proteção Social”:- discussões avançam

E-mail Imprimir PDF
O presidente da União dos Militares de Minas Gerais (UMMG), Cel. Zeder Gonçalves do Patrocínio, participou nesta manhã, 10/02, ao lado de demais dirigentes da Classe e parlamentares, de reunião com os Comandos da Polícia (PMMG) e do Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais (CBMMG) para avançar na consolidação do Sistema de Proteção Social dos militares mineiros.
Para o Coronel Zeder, a reunião aprofundou a compreensão da legislação federal e dos desafios que a categoria enfrentará: “Esperamos que a formatação da lei que regulamentará o Sistema de Proteção Social continue fundada no princípio da solidariedade e no pacto de gerações no âmbito da família militar mineira.”
Um ponto que merece destaque para o Coronel Zeder é a manutenção do custeio do Sistema, até hoje em prática, com a participação dos segurados e do tesouro do Estado, na proporção de dois para um, onde os militares da ativa contribuem com 11,5%, os inativos com 8% e o tesouro com 20%. 
“Dessa forma, os serviços e benefícios tem sido custeados satisfatoriamente, garantindo a sua sustentabilidade. Com o aporte de novos recursos oriundos da contribuição dos pensionistas e elevação do percentual dos inativos de 8% para 10,5%, esperamos ter uma substancial melhoria na Proteção Social”.
De acordo com o deputado federal Subtenente Gonzaga, a lei federal garante a segurança Social da família militar com a implantação do respectivo Sistema de Proteção Social. Mas ainda será necessário definir em lei estadual o seu detalhamento segundo os parâmetros da lei federal.
“Essa é a nossa obrigação, o nosso dever de casa para os próximos dias: encontrar a forma para que possamos continuar com os benefícios que temos sem perder de vista a sua evolução no horizonte de no mínimo trinta anos”, ressalta o parlamentar.
Leia mais...
 

Comandos da PM e CBM discutirão com as Entidades da Classe e parlamentares o Sistema de Proteção Social

E-mail Imprimir PDF
Realizada nesta manhã, 07/02, mais uma reunião para consolidar o Sistema de Proteção Social dos Militares de Minas Gerais.
O encontro realizado na sede da Aspra, em Belo Horizonte, contou com a participação do presidente da União dos Militares de Minas Gerais (UMMG), Cel. Zeder Gonçalves do Patrocínio, demais dirigentes da Classe e parlamentares.
De acordo com o Coronel Zeder, o grupo encerrou a reunião com a convicção de que o modelo atual de Proteção Social deve ser mantido: “na próxima segunda-feira, 10 de fevereiro, estaremos reunidos com os Comandos da Polícia (PMMG) e do Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais (CBMMG) onde debateremos e defenderemos esse Sistema fundado no princípio da solidariedade.”
O deputado federal Subtenente Gonzaga ressalta que a busca pela compreensão dos fundamentos do Sistema de Proteção Social do ponto de vista da participação do Estado e da gestão compartilhada da PM, CBM e Instituto continua a todo vapor.
“A Proteção Social compreende remuneração, pensão, assistência a saúde, habitação, pecúlio, auxílio-natalidade, reclusão e outros, por isso, precisamos consolidar e defender junto ao tesouro que é necessário sustentar esse modelo. Um modelo solidário, onde todos terão responsabilidade por sua manutenção”, enfatiza o parlamentar.
Sobre a reunião com os Comandantes, Subtenente Gonzaga destaca que o debate e o alinhamento de todos é muito importante: “Se não tivermos alternativa e não soubermos onde queremos ir, o Estado vai nos atropelar. É isso que vamos levar para o Comando.”
Leia mais...
 

CFO 2020 – Inscrições abertas

E-mail Imprimir PDF
 
A Polícia Militar de Minas Gerais (PMMG) abre inscrições para o Curso de Formação de Oficiais (CFO PM 2020).   
O CFO visa graduar oficiais em ciências militares, habilitados em defesa social para desempenhar o posto de 2º tenente.
Para quem deseja ser um Oficial da PMMG basta acessar o site: www.pmmg.mg.gov.br/crs
  
Leia mais...
 

Representantes da Classe discutirão o Sistema de Proteção Social com os Comandos das Instituições Militares

E-mail Imprimir PDF
Entidades da Classe e parlamentares continuam traçando estratégias de debate com o governo de Minas Gerais para consolidar a Proteção Social dos Militares.
Foi com esse objetivo que mais uma reunião foi realizada hoje, 27/01, na sede da União dos Militares de Minas Gerais (UMMG), em Belo Horizonte (MG).
De acordo com o presidente da União, Cel. Zeder Gonçalves do Patrocínio, a preocupação da categoria é não saber qual será o encaminhamento do governador: “A decisão será política. Por isso, estamos nos antecipando politicamente e formatando o modelo que queremos”.
Ainda de acordo com o Coronel Zeder, o próximo passo é reunir-se com os Comandos-Gerais da Polícia Militar e Corpo de Bombeiros Militar e com o Diretor-Geral do IPSM para levar o posicionamento do grupo.
O deputado federal Subtenente Gonzaga destacou que o novo conceito de Proteção Social virá para consolidar o que já existe na lei atual: “Vamos defender intransigentemente o modelo existente de financiamento da saúde, de pensões e a participação do tesouro dentro do conceito de Proteção Social. Mas isso terá que ser encaminhado conjuntamente com as posições políticas de todos os envolvidos e respeitando todos os avanços já construídos”.
Leia mais...
 

PELO INTERIOR – Norte de Minas

E-mail Imprimir PDF
Repercutimos as fotos da confraternização promovida pelo Núcleo de Montes Claros (MG), no salão de festa da Praça de Esporte do 10º Batalhão de Polícia Militar (BPM).
O evento ocorreu no dia 25/01, e foi animado pelos cantores Rafael Marques dos teclados e Alice Entreportes.
Leia mais...
 

PL de recuperação das perdas inflacionárias será votado na ALMG

E-mail Imprimir PDF
Na tarde desta quinta-feira, 06/02, o presidente da União dos Militares de Minas Gerais (UMMG), Cel. Zeder Gonçalves do Patrocínio, acompanhou na Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG), a leitura do Projeto de Lei (PL 1451/2020), que versa sobre a recuperação das perdas inflacionárias dos profissionais da Segurança Pública.
Representantes da Classe e profissionais da Segurança Pública do Estado também estiveram presentes com o objetivo de sensibilizarem os demais parlamentares para que o Projeto de Lei seja aprovado.
Após a leitura, iniciou-se a tramitação do projeto na ALMG, com previsão para ser votado em 1º turno na quarta-feira, 12/02.
De acordo com o deputado estadual Sargento Rodrigues, o governo cumpriu o compromisso assumido: “esta é mais uma grande conquista alcançada com a união dos representantes e apoio de toda a Classe. Nossa meta agora é aprovar, o mais breve possível, o PL 1451 e corrigir esse absurdo, que é ficar mais de quatro anos sem recomposição salarial”, ressalta o parlamentar.
Para garantir a aprovação do projeto, as Entidades e parlamentares convocam a família militar mineira para comparecer à Assembleia Legislativa no dia 12 de fevereiro, às 10 horas, nas galerias do Plenário.
Leia mais...
 

Mobilização

E-mail Imprimir PDF
 

Importante

E-mail Imprimir PDF
 

UMMG continua estudos sobre a Proteção Social dos Militares

E-mail Imprimir PDF
A Proteção Social dos Militares e sua consolidação em Minas Gerais continua sendo tema de debate entre as Entidades da Classe e Parlamentares.
Durante reunião realizada hoje, 20/01, na sede da União dos Militares de Minas Gerais (UMMG), a releitura do Anteprojeto de Lei Complementar que trata do Sistema de Proteção Social dos Militares do Estado permaneceu em pauta.
Para o presidente da União, Cel. Zeder Gonçalves do Patrocínio, a discussão está avançando convergentemente: “Precisamos entender os efeitos práticos e automáticos da lei federal já que o tema não é novidade e sempre foi tratado com prioridade por nós. Os estudos para construção de um bom texto em lei específica também estão em ascensão.”
De acordo com o deputado federal Subtenente Gonzaga, outro avanço importante é compreender a participação do Estado e do militar no financiamento da Proteção Social.
“Com base na lei federal e na Constituição Federal os proventos são 100% encargo do tesouro. Portanto, temos que discutir a contribuição do Estado e do Servidor na Proteção Social no que tange à saúde, assistência social e habitação.”
Leia mais...
 
Mais Artigos...


Página 4 de 93